quarta-feira, 30 de novembro de 2016

Caderno de Campo _ Encosta de S. Vicente IV

Há subidas que custam, mas no final vale sempre a pena.

Segui o exemplo do Pedro Alves e comecei a usar as horas do almoço para exercitar o corpo e a mente...desenhar, entenda-se...


 
Esquerda - Rua Aníbal Gaspar (Choupal); Direita - Rua das Escadas (Matadouro).

2 bons motivos para visitar Torres Vedras

 2 bons motivos para visitar Torres Vedras
o Natal no Centro Histórico e a exposição "Histórias do Zambujal: 50 anos do Instituto Arqueológico Alemão em Torres Vedras" (Museu Leonel Trindade).




sexta-feira, 25 de novembro de 2016

Caderno de Campo_Encosta de S. Vicente III

Algures, próximo do Antigo Matadouro Municipal de Torres Vedras
´
 
2 desenhos rápidos, feitos na hora de almoço, em jeito de "descompressão" :-)
 
2 casas diferentes, tanto na forma, como no conteúdo, mas ambas devolutas.
 
A casa da esquerda é das décadas de 40/50 e a da direita de 60/70.
 
Ao desenhar pus-me a imaginar as pessoas que aqui viveram e subiam as escadas depois de uma jornada de trabalho. O amanhar das hortas. As crianças que brincaram nestes quintais. Os que partiram. Os que morreram. O porquê do abandono. Por onde andam os herdeiros. Será que voltam?
 
Hoje deu-me para isto...

quinta-feira, 24 de novembro de 2016

Sketchbook - Cáucaso de Leonor Janeiro

Não tive a oportunidade de assistir ao lançamento, no entanto já comprei o livro e recomendo vivamente. Um olhar diferente e acutilante sob o Cáucaso. Parabéns Leonor Janeiro



"Cáucaso é o sketchbook de Leonor Janeiro sobre a sua viagem a esta impressionante e mística região situada entre o Mar Negro e o Mar Cáspio. Terra de lendas e de mitos, onde Noé desembarcou e Prometeu foi preso, onde a cristandade terminava e a Ásia surgia. Aqui se situava a parte mítica da Rota da Seda, e aqui conviveram os mais diversos povos e mundos." Zest

sábado, 19 de novembro de 2016

Caderno de Campo_Encosta de S. Vicente_parte II

Casas do Choupal
 
Esta casa, com mais de 40 anos, encontra-se devoluta há vários anos, "encaixada" na encosta do Choupal. A vegetação parasitária tomou conta dela nos últimos anos, escondendo boa parte da sua estrutura. Aos poucos fomo-nos habituando e esquecendo da sua existência.
 
Com a requalificação do Choupal, ganhou novo protagonismo reclamando atenção. Nos últimos dias, a vegetação foi limpa, expondo a sua estrutura, e as escadas que vão serpenteando por entre patamares, onde em tempos existiram hortas, pomares e galinheiros. Apesar da aparente fragilidade estrutural, e do mau estado de conservação, mantém-se firme e com uma vontade imensa de voltar a abrir as portas e a ganhar nova vida.
 

quinta-feira, 17 de novembro de 2016

Capela do Alto de Santo Amaro

Ainda pelos caminhos de Roque Gameiro - Lisboa Antiga
 
Aproveitando a predisposição para as digitalizações, partilho convosco este desenho.  Foi no dia 15 de setembro. Um daqueles dias para esquecer, não fosse este final de tarde. Não sei se foram as formas da igreja, o ar que se respirava ou a vista fantástica sob o Tejo. Não sei, só sei que soube bem, foi um dos "Roque Gameiro" que mais prazer me deu.
 
 
 
Aqui fica a partilha e convite a uma visita ~`a exposição, onde tenho privilégio de apresentar alguns cadernos meus.

Espero que gostem..

Com mais de 60 autores e cerca de 180 cadernos inaugura-se na próxima quinta-feira dia 17 de Novembro pelas 18 horas a exposição “O Mundo num Caderno. Os Urban Sketchers na António Arroio”. Apareçam.
http://urbansketchers-portugal.blogspot.pt/2016/11/os-urban-sketchers-na-antonio-arroio_92.html

O Mundo num Caderno. Os USkP na Escola António Arroio

O Mundo num Caderno. Os USkP na Escola António Arroio
Estamos a organizar uma exposição na escola António Arroio intitulada “O Mundo num Caderno. Os Urban Sketchers na Escola António Arroio” a iniciar no dia 17 de Novembro com inauguração (todos convidados) às 18 horas.

Gostávamos que todos os associados USkP participassem. Todos os cadernos estarão devidamente protegidos em vitrinas. O prazo de entrega é prorrogado até ao dia 12 de Novembro. E a entrega pode ser feita para as seguintes pessoas:

Fernanda Lamelas (escritório) Praça da Figueira, 4-1º (1100-240 Lisboa), junto à saída do metro (entra-se por uma loja no r/c ao lado da Western Union) Horário: De segunda a sexta, das 9:30 às 13:00 e das 14:30 às 18:00 ou para Eduardo Salavisa 969828087 (Para entrega no jardim das Amoreiras ou outro local a combinar)

Lisboa Antiga - Largo Trigueiros

Aos poucos começo a digitalizar os desenhos que tenho feito, em reposta ao desafio do Pedro Cabral. Têm sido feitos nas frequentes idas a Lisboa dos últimos tempos.
Este não foi bem no ângulo escolhido por Roque Gameiro. Mas é interessante perceber, que mesmo sem sabendo, outros urban sketchers também o escolheram. Não deixa de ser curioso e interessante.
 
 
Desenho feito a caneta de aparo, com ecoline preta e sépia.
A mancha é com ecoline cinza. 
 

Lisboa Antiga - Chafariz das Janelas Verdes

Original de Roque Gameiro
 
 
O desenho possível.

caderno de campo: e quando trabalhar, também é prazer

Estes foram alguns desenhos apresentados no workshop. São desenhos que vou fazendo durante o trabalho: caracterização urbana e social da Encosta de S. Vicente, Torres Vedras. Desenhos rápidos, a maioria a conversar com os moradores. Uma excelente forma de conhecer a morfologia urbana, mas sobretudo para conhecer o que realmente interessa: AS PESSOAS

 
Antes de intervir neste espaço é fundamental conhecer a sua essência, afinal “...projectar, planear, desenhar, não deverão traduzir-se para o arquitecto na criação de formas vazias de sentido, impostas por capricho da moda ou por capricho de qualquer outra natureza. As formas que ele criará deverão resultar, antes, de um equilíbrio sábio entre a sua visão pessoal e a circunstância que o envolve e para tanto deverá ele conhecê-la intensamente, tão intensamente que conhecer e ser se confundem." Arq. Fernando Távora, 1962
  
 
 
5 casas em banda, construídas na década de 1950. Construção económica, para arrendamento, ocupada essencialmente por operários que chegavam à cidade à procura de trabalho e de melhores condições de vida.
 


 
 
 
 
 
 
Este conjunto de casas fica na encosta do Choupal.
 
"Desenhar é, primeiramente, olhar com os olhos, observar, descobrir. Desenhar é aprender a ver (...). Há que desenhar para interiorizar aquilo que se viu, e que ficará então escrito na nossa memória para o resto da nossa vida".
 
Le Corbusier (1887-1965)

workshop - "As parte e o todo: A identidade do Lugar" - o resumo

Ontem. Casa-atelier Vieira da Silva, Amoreiras. Tive o privilégio de orientar a oficina de desenho "As parte e o todo: A identidade do Lugar". Um grupo fantástico, com o qual aprendi mais, do que ensinei. Obrigado pela vossa generosidade.

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

workshop sobre diários gráficos - “As partes e o todo – Identidade do Lugar”


Olá a todos,
Sábado, dia 12 de novembro, estarei na Casa-Atelier Vieira da Silva, para orientar um workshop sobre diários gráficos - “As partes e o todo – Identidade do Lugar”.
Vou partilhar convosco aquela que tem sido a minha relação com os cadernos. Não sei se me tornaram um melhor desenhador, mas penso que sou hoje um melhor observador.
"Desenhar é, primeiramente, olhar com os olhos, observar, descobrir. Desenhar é aprender a ver (...). Há que desenhar para interiorizar ...aquilo que se viu, e que ficará então escrito na nossa memória para o resto da nossa vida". Le Corbusier (1887-1965)